Crianças da Rede Municipal de Ensino de Curral de Cima aprendem sobre o consumo de açúcar

Olhos atentos à apresentação de fantoches que marcou o dia de aula dos estudantes da Escola de Ensino Fundamental Valdevino, nesta sexta-feira (14), no município de Curral de Cima. No roteiro, o intuito era alertar os 50 estudantes participantes da atividade para forma correta do consumo de açúcar que, por muitas vezes, faz brilhar os olhos da criançada.

Com o tema “Quanto eu tenho de açúcar: os perigos da publicidade infantil influenciando no hábito alimentar de crianças” a equipe de professores e nutrição da instituição de ensino demonstraram para os alunos, por meio de um mural, o teor de açúcar escondido em alguns produtos alimentícios e que enchem a boca das crianças de água.

A nutricionista da Secretaria de Educação de Curral de Cima, Andréa Padilha, alerta para os cuidados com a ingestão de açúcar. “Precisamos estar atentos aos recursos utilizados pelo setor da indústria alimentícia que, atualmente, utiliza recursos como personagens infantis, embalagens lúdicas e crianças sempre contentes brincando nos comerciais, por exemplo, e tudo isso influencia negativamente no hábito alimentar de quem consome esse tipo de comercial”, explicou.

Andréa ainda destacou que atualmente as crianças passam uma média cinco horas em frente à TV. “Aparentemente pode parecer um tempo curto, mas não é tendo em vista que crianças não têm a percepção do alimento que faz bem ou mal a saúde. Sendo assim, se encantam com as propagandas que, de certo modo, vendem seus personagens favoritos ou algum produto alimentício que junto vem um brinquedo”, afirmou.

Toda a atividade desenvolvida com as crianças ocorreu de forma lúdica, com o intuito de prender e chamar à atenção dos pequenos para mensagem que se pretendia passar acerca da temática abordada.

 

COMPARTILHAR