Aumento de casos da Covid-19 faz prefeitura suspender aulas, fechar academias e limitar serviços

Medidas restritivas contra a Covid-19 em Curral de Cima foram publicadas no Diário Oficial do Município (DOM) desta sexta-feira (30). A informação foi divulgada neste sábado pela Secretaria de Saúde e inclui a suspensão de aulas presenciais (inclusive, para reforço), atividades esportivas e fechamento de academias. Veja as medidas do decreto.

Os restaurantes, bares, lanchonetes, lojas de conveniência e similares só poderão funcionar até às 21h através de delivery e retirada de mercadorias. As missas, cultos e cerimônias religiosas presenciais poderão ocorrer com ocupação máxima de 30% da capacidade das igrejas.

O município também decretou toque de recolher das 22h às 5h. As atividades do ramo de construção civil poderão ocorrer das 6h30 às 16h30, sem aglomeração e observando os protocolos elaborados pela Secretaria Municipal de Saúde.

O novo decreto com restrições valerá até o dia 14 de maio. As medidas, segundo a SMS, são necessárias para promover o distanciamento social e conter a disseminação da Covid-19 em Curral de Cima.

A Polícia Militar e a Vigilância Sanitária Municipal ficarão responsáveis pela fiscalização do cumprimento das normas estabelecidas no decreto. O descumprimento sujeitará o estabelecimento à aplicação de multas que podem chegar a R$ 1 mil.

COMPARTILHAR