Prefeitura decreta Situação de Emergência, suspende aulas e orienta população a permanecer em casa

A Prefeitura Municipal de Curral de Cima decretou, nesta terça-feira (17), Situação de Emergência em razão da pandemia por Coronavírus (Covid-19) no Brasil. O decreto, valido por um período de 90 dias, renováveis por igual período, traz medidas adotadas para evitar a disseminação do vírus na cidade. A ação atende ao Estado de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional decretado pelo Ministério da Saúde.

Entre as medidas, fica estabelecida a suspensão das aulas na rede pública municipal e privada a partir desta quarta-feira (18) até o dia 18 de abril e a decisão de que os idosos serão vacinados nas suas residências, evitando a presença desse grupo de risco nos postos de saúde.

A Secretaria de Saúde também suspendeu a utilização do microônibus até posterior deliberação e recomendou a não realização de eventos religiosos, incluindo cultos, missas e até mesmo a Paixão de Cristo no município. Os eventos em bares e restaurantes também devem ser evitados. Ficou estabelecido ainda o uso de máscaras pelos condutores dos veículos da saúde, equipe médica e de enfermagem.

Outra recomendação é para que a população procure atendimento médico, odontológico e de enfermagem apenas se for realmente necessário. Na Secretaria de Esporte, fica determinada a suspensão da realização do Campeonato de Futsal e outros campeonatos que por ventura já estejam agendados.

A Situação de Emergência de que trata este Decreto autoriza a adoção de todas as medidas administrativas necessárias à imediata resposta por parte do Poder Público à situação vigente, como aquisição de produtos e materiais, equipamentos, insumos, medicamentos, contratação de pessoal técnico especializado na área da saúde para contenção e combate da doença e quaisquer outras medidas necessárias.

“Pedimos que a população permaneça e casa. Não há motivo para pânico, mas precisamos unir forças contra o coronavírus. Nós, como poder público, estamos fazendo a nossa parte e precisamos que cada cidadão siga as recomendações”, disse o prefeito Totó Ribeiro.

COMPARTILHAR