Após sete anos, TCE-PB aprova por unanimidade contas de Curral de Cima

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) aprovou, nesta quarta-feira (14), por unanimidade, as contas da Prefeitura de Curral de Cima referente ao exercício financeiro de 2017 do prefeito Totó Ribeiro, atestando assim a execução dos trabalhos com base no que determina a lei. Há sete anos o município não tinha contas aprovadas. Os conselheiros destacaram a correta aplicação dos recursos públicos e o cumprimento integral dos índices estabelecidos para saúde, educação e gastos com pessoal.

Para o prefeito Totó Ribeiro, a aprovação das contas é um reflexo do trabalho desenvolvido dentro do que determina a legislação, respeitando a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), baseado na transparência das ações realizadas pela administração municipal.

“Nosso governo é pautado pelo trabalho em prol do nosso povo. Estamos promovendo mudanças importantes em diversas áreas e investindo no que realmente é necessário para o nossa gente. Ficamos felizes que a nossa administração recebeu mais uma comprovação do Tribunal de Contas de que estamos indo pelo caminho correto”, destacou Totó.

A Corte de Contas julgou as prestações de contas tecendo elogios a gestão municipal que vem se comprometendo a cumprir as determinações da Corte de Contas. “A nossa Gestão está voltada para o cumprimento fiel da legislação, e a correta aplicação dos recursos públicos. Curral de Cima vive um novo momento, a população está sendo beneficiada pela correta aplicação dos recursos públicos, mesmo diante de tão grave crise financeira, após vários anos o município voltou a ter suas contas aprovadas.”

O advogado Marco Villar, responsável pelo acompanhamento da gestão e defesa junto ao Tribunal de Contas do Estado, destacou o trabalho realizado pelas equipes municipais sempre pautados pelo respeito ao recurso público e ao cumprimento das orientações do TCE-PB. “Hoje, mais uma vez, tivemos a demonstração de que os gestores comprometidos com a eficiência dos gastos públicos e o zelo na aplicação dos recursos chegam ao momento de apreciação de suas Contas com maior tranquilidade, e agora com a certeza de que estão no caminho certo”, destacou o advogado.

COMPARTILHAR